Quarta-feira, 26 de junho de 2019 - Migalhas nº 4.630.
Fechamento às 10h10.


Registro

Migalhas anuncia que, a partir de hoje, conta com mais um Fomentador:

  • Techway Informática

Clique aqui


"Onde a opinião for seriamente soberana, o critério do juiz será sempre independente."

Rui Barbosa

Ontem, não

Reviravoltas de uma última sessão de semestre forense: a pauta de julgamentos previstos para a 2ª turma do STF foi por água abaixo ontem. Com efeito, a tarde foi tomada pelo julgamento de casos envolvendo o ex-presidente Lula. A turma manteve o adiamento do mérito do HC que trata da suspeição de Sergio Moro. Na análise da cautelar, Gilmar propôs a liberdade ao ex-presidente, que está há 1 ano, 2 meses e 19 dias na cadeia. Foi seguido neste ponto pelo ministro Lewandowski. Já os ministros Fachin, Celso e Cármen negaram a liminar. A dúvida, como já se sabia, era o voto do decano Celso de Mello. Conquanto tenha negado a liminar, Celso de Mello deixou claro, porém, que no mérito o deslinde pode ser outro. Confira, clique aqui.

Moção de apoio

Mais de 200 juízes Federais assinam moção de apoio ao ministro Sergio Moro. No documento, dirigido ao presidente da Ajufe, os magistrados afirmam que o conteúdo das mensagens trocadas entre o ex-juiz Federal e integrantes da força-tarefa da Lava Jato "ainda que seja autêntico e não tenha sido editado, não ofende o princípio da imparcialidade que rege a conduta de um magistrado". (Clique aqui)

Revelações – Lava Jato

Ontem, o jornalista do site The Intercept Brasil, Glenn Greenwald, compareceu à Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados para falar sobre o vazamento de mensagens envolvendo Sergio Moro e a força-tarefa da Lava Jato. Durante a sessão, que durou seis horas e meia, Greenwald defendeu a liberdade de imprensa e a transparência e reafirmou a autenticidade das conversas vazadas. (Clique aqui)

"Pareça surpresa"

Juiz conversando com promotor sobre casos. Acha que estamos falando sobre o Brasil? Mas não, esse é um déjà-vu em Israel. Sim, num rumoroso caso, um integrante do parquet foi flagrado em troca de mensagens com uma juíza. Num dado momento, o promotor adianta à juíza o que iria pedir, e ainda alerta: "pareça surpresa". O processo tratava, vejam só, das investigações de corrupção ligadas ao primeiro-ministro Benjamin Netanyahu. Na África do Sul, "especialmente em matéria penal, seria tão irregular que o processo provavelmente seria anulado", diz um jurista. E na Itália – terra da operação Mani Pulite, inspiração da Lava Jato e do modus operandi em Curitiba – há restrição semelhante. Saiba mais, clique aqui.

Decreto de armas... de novo?!

O presidente Bolsonaro decidiu revogar decreto que facilitava o porte de armas de fogo. As alterações foram publicadas em edições extras do DOU. Também foi enviado um PL ao Congresso para modificar o Estatuto do Desarmamento. (Clique aqui)

Ué...

Na manhã de ontem, o porta-voz do Palácio do Planalto, Otávio Rêgo Barros, havia dito que o governo não revogaria o decreto e que aguardaria o desfecho da tramitação da medida no Congresso antes de adotar alternativas. (Clique aqui)

Precatórios

Você ou seu cliente tem um precatório? Gostaria de antecipar o pagamento? Migalhas tem agora um sistema exclusivo para isso. Compramos seu precatório! Clique aqui.

MP da Liberdade Econômica

Prorrogada por mais 60 dias, a MP da Liberdade Econômica será debatida hoje, em audiência pública, pela comissão mista responsável por sua análise inicial no Parlamento. Com mais de 300 emendas, a medida promete diminuir a burocracia e flexibilizar questões normativas. Para entender melhor o impacto que a MP 881/19 terá nos campos civis, empresariais e regulatórios, nosso poderoso rotativo Migalhas realizou ontem, em SP, seminário com palestrantes de peso. Confira como foi esse festejado evento. (Clique aqui)

Agências reguladoras

Bolsonaro sancionou, com vetos, a lei 13.848/19, que dispõe sobre a gestão, organização, processo decisório e o controle social das agências reguladoras. O trecho que determinava a elaboração de uma lista tríplice a ser escolhida pelo presidente da República e posteriormente submetida à aprovação do Senado foi vetado. (Clique aqui)

Nova lei de licitações

Plenário da Câmara aprovou texto principal da nova lei de licitações. O PL determina novas modalidades de contratação, exige seguro-garantia para grandes obras, tipifica crimes relacionados à licitação e regulamenta o tema nos três Poderes. Entre as novidades previstas, está a criação da modalidade "diálogo competitivo". (Clique aqui)

Barragens de rejeitos

Plenário da Câmara aprovou projeto que visa tornar mais seguras as barragens de mineração. Entre as determinações do projeto está o aumento no valor de multas, e proibição de utilizar barragens do mesmo tipo que ocasionou o desastre em Brumadinho. Texto segue para o Senado. (Clique aqui)

Ordem de quem?

A Ajufe divulgou nota na qual se posiciona frontalmente contrária à recomendação 38/19 da Corregedoria Nacional de Justiça. A recomendação orienta aos Tribunais que cumpram ordens da corregedoria mesmo quando houver decisão judicial em sentido diverso – exceto quando a decisão vier do STF. Para a Ajufe, o texto tem em seu teor flagrantes inconstitucionalidade e ilegalidade. (Clique aqui)

Multa milionária

Facebook e WhatsApp são multadas em R$ 23,2 mi por causa do descumprimento de ordem judicial. As empresas não cumpriram ordem de quebrar sigilo telefônico e interceptar mensagens de investigados em operação da PF. O juízo de 1º grau fixou a multa em R$ 2 bilhões, mas a 8ª turma do TRF da 4ª região considerou o valor "excessivamente desproporcional" e reduziu o montante. (Clique aqui)

Trabalhista - Teoria do desvio produtivo

TRT da 17ª região mantém condenação de reclamada ao pagamento de dano moral por falta de anotação na CTPS durante o período em que o vínculo não havia sido reconhecido, bem como pelo não pagamento das verbas rescisórias. A desembargadora Daniele Corrêa Santa Catarina utilizou, por analogia, o entendimento do STJ no que tange às relações de consumo, que diz respeito à teoria do desvio produtivo. (Clique aqui)

Sobreaviso

Utilização do celular por empregado fora do horário de trabalho, por si só, não configura sobreaviso. Decisão é da 7ª turma do TRT da 4ª região ao entender que, para que sejam pagas as horas de sobreaviso, deve estar provada a permanência do reclamante em regime de plantão, importando em restrição do descanso. (Clique aqui)

Terceirização

TST valida terceirização de serviço de teleatendimento para cobrança prestado à BV financeira. Decisão é da 8ª turma da Corte, ao aplicar entendimento firmado pelo STF em repercussão geral sobre constitucionalidade da terceirização de atividade-fim. (Clique aqui)

Aplicativo de transporte

Por maioria, o Órgão Especial do TJ/RS julgou inconstitucionais 18 dispositivos de lei municipal de Porto Alegre que fixa regras para o serviço de transporte de passageiros realizado por meio de aplicativos. O escritório Andrade Maia Advogados atuou pela Uber, amicus curiae na ADIn ajuizada pelo Partido Novo. (Clique aqui)

Performance artística

Órgão Especial do TJ/RJ declara a inconstitucionalidade de dispositivo de lei estadual que regulamenta manifestações culturais em estações de barcas, trem e metrô. (Clique aqui)

Balanço

No 1º semestre de 2019, a 1ª turma do STF julgou 3.484 processos. Até o dia 27 de junho, com a conclusão de julgamentos em andamento no plenário virtual do colegiado, serão 3.669 processos julgados. Até o momento, 2.259 processos foram analisados por meio das sessões virtuais e 1.225 nas sessões presenciais.


Revelações – Lava Jato

vazamentoslavajato.com.br

Site especial reúne a repercussão sobre os vazamentos.


O matrimônio é a principal causa do divórcio

Maio foi um mês de alegria para a cabeleireira Cleusa Cruz. O motivo? Depois de 25 anos, ela conseguiu o tão esperado divórcio. Por anos, o ex-marido simplesmente não aparecia no cartório para assinar os documentos. Diante da situação, a cabelereira postou um desabafo nas redes sociais que viralizou: já que ele não se comprometia com a separação, ela se mudaria para a casa que ele vivia junto com a namorada "de mala e cuia". A ameaça funcionou e hoje pode-se dizer que Cleusa é muito bem divorciada. (Clique aqui)

Quando um não quer...

Divórcio unilateral. Esse é o nome do procedimento que teria facilitado a vida de Cleusa, se fosse regulamentado em todo o país. Em maio de 2019, os TJs de Pernambuco e do Maranhão até tentaram regulamentar o chamado "divórcio impositivo", mas foram proibidos pelo CNJ, sob o argumento de que o desenlace só pode ser feito via Judiciário. (Clique aqui)

TV Migalhas

O advogado Mário Luiz Delgado, do escritório MLD – Mário Luiz Delgado Sociedade de Advogados, professor em Direito Civil, explica que o divórcio é um direito fundamental e esclarece os benefícios que o divórcio unilateral pode trazer. Assista. (Clique aqui)

Família e Sucessões

Sobre o divórcio unilateral, o professor Flávio Tartuce trata de PL inspirado pela norma administrativa do TJ/PE, tendo sido revisto por ele e pelos professores Mario Luiz Delgado e José Fernando Simão, além do desembargador Jones Figueirêdo Alves. (Clique aqui)

Divórcio por amor

Um a cada três casamentos termina em divórcio no Brasil, segundo o IBGE. Em agosto passado, Migalhas conversou com a primeira divorciada do país, que defende a dissolução matrimonial justamente por acreditar no amor. (Clique aqui)


Gramatigalhas

A leitora Eliane Cristina Manfrim de Oliveira envia a seguinte dúvida ao Gramatigalhas:

"Caro professor: Sou escrivã de polícia e também tenho minhas dúvidas, quando se diz: 'Junte-se aos autos a (s) carta precatória (s)’. Quando se tem a preposição, o verbo não fica no singular?"

Se você também quer saber o que o Dr. José Maria da Costa pensa a esse respeito, então clique aqui.

Manual de Redação Jurídica

Esta e outras dúvidas sobre a Língua Portuguesa são esclarecidas com didatismo na 6ª edição do "Manual de Redação Jurídica", de autoria do professor José Maria da Costa. Recém-lançada, a obra, atualizada pelo acordo ortográfico, traz centenas de novos e interessantes verbetes. Adquira seu indispensável exemplar. (Clique aqui)


Porandubas políticas

Até quando assistiremos à queda de braço entre Bolsonaro e a esfera política? Veja as análises de Gaudêncio Torquato. (Clique aqui)

Cenário

O horizonte econômico na visão do Comitê de Política Monetária indica que o PIB deve apresentar desempenho próximo da estabilidade no segundo trimestre. (Clique aqui)

Federalismo à brasileira

O professor Jefferson Aparecido Dias aborda, na coluna de hoje, a nomeação nos ministérios do Executivo. (Clique aqui)

Meio de campo

Um retrato do neofutebol brasileiro. Confira as características desse modelo com o advogado Rodrigo R. Monteiro de Castro. (Clique aqui)


LGPD

Ao esclarecer alguns dos principais pontos da lei geral de proteção de dados - 13.709/18, Mariana Pigatto Seleme, da banca Arns de Oliveira & Andreazza Advogados Associados, frisa que a criação e aprovação da LGPD é um grande avanço para o Brasil, que ingressa no rol dos países que possuem uma lei exclusiva para regulamentar a política de privacidade de dados pessoais. (Clique aqui)

Decisões administrativas

Da banca Fernandes, Figueiredo, Françoso e Petros Advogados, os advogados Edison Carlos Fernandes e Nahyana Viott Fiatkoski mostram que é importante que os contribuintes mantenham um acompanhamento das discussões judiciais e administrativas que permeiam seu negócio e avaliem o impacto e repercussão delas na sua operação, a fim de evitar disparidade no mercado que competem e sua permanência saudável na concorrência. (Clique aqui)

Sistema Distrital Misto

Ao abordar o conjunto normativo eleitoral brasileiro, o advogado Daniel Castro Gomes da Costa traz para debate a proposta desenvolvida pelo Grupo de Trabalho do TSE de implantar o Sistema Distrital Misto (em um modelo similar ao alemão) no Brasil, aposentando o atual Sistema Proporcional de Lista Aberta. Na opinião do professor, a sugestão, entregue ao presidente da Câmara, "é sedutora e, ao mesmo tempo, desafiadora, porquanto vários obstáculos podem surgir". Confira. (Clique aqui)

Reparação – Danos morais

No âmbito da reforma trabalhista, os advogados Orlando José de Almeida e Bernardo Gasparini Furman, do escritório Homero Costa Advogados, escrevem sobre a aplicação das regras para a fixação de reparação por danos morais. (Clique aqui)

Registro eletrônico de sindicatos

Na véspera do Dia do Trabalho foi editada a portaria 501/19, por meio da qual o ministério de Justiça instituiu o peticionamento eletrônico de solicitação de registro de entidades sindicais. Marianna da Paixao Frascari, do escritório Rocha e Barcellos Advogados, destaca as mudanças. (Clique aqui)

Concursos

Consultoria jurídica em concursos: como funciona e quando recorrer? O advogado Agnaldo Bastos, da banca Agnaldo Bastos Advocacia Especializada, explica. (Clique aqui)

Modria

Danilo Ribeiro Miranda Martins, Nelson Soares de Rezende (CAMES) e Carlos Butori abordam a utilização da Modria, ferramenta de resolução de conflitos online, pelos PROCONs e eventualmente por outros órgãos públicos que tenham de lidar, de alguma forma, com a defesa dos direitos dos consumidores. (Clique aqui)

Proteção da PI

Quais os cuidados devem ser tomados para garantir a proteção das mais variadas criações de um negócio? Qual a melhor forma de proteção para esses bens? Márcio Chaves, sócio do escritório Pires & Gonçalves - Advogados Associados, fala sobre proteção da Propriedade Intelectual. (Compartilhe)


WhatsApp Migalhas

Receba notícias direto no seu celular.

Clique aqui para se cadastrar.


Atenção!

O mundo exige agilidade e profissionalismo no mercado de trabalho e Migalhas tem a ferramenta certa que conecta o Direito do país. Conheça o Correspondentes Migalhas e faça parte desta conexão. (Clique aqui)


Novo Fomentador

Migalhas vem contando com o apoio de institutos, editoras, faculdades, associações e empresas de eventos para trazer sempre vantagens aos leitores. São os Fomentadores do Direito brasileiro. Temos o privilégio de anunciar que Migalhas conta a partir de hoje com a participação de mais um Fomentador do Direito:

  • Techway Informática

A Techway Informática pensa soluções para o dia a dia. Para isso, desenvolveu o Lysis, um software jurídico web, que visa a integração de todas as áreas que compõem escritório de advocacia e departamento jurídico. Sempre buscando a excelência em tecnologia e serviços jurídicos, o Lysis disponibiliza uma plataforma completa composta por módulos pensados e desenvolvidos para atender as demandas do segmento jurídico. Clique aqui e conheça o novo Fomentador do Migalhas.


Novo endereço

Com a presença de amigos e clientes, Chediak, Lopes da Costa, Cristofaro, Menezes Cortes, Simões Advogados inaugurou ontem seu novo escritório em SP, na rua Gomes de Carvalho, 1.510. Com a vista do último andar, o escritório contempla uma paisagem de 360 graus da agitada Vila Olímpia.

Pique-pique

Aos aniversariantes migalheiros do dia, enviamos nosso abraço. E o fazemos em nome do ilustre ministro Rogerio Schietti Cruz, do STJ, que assiste hoje às comemorações de seu aniversário. (Compartilhe)

Baú migalheiro

Há 74 anos, no dia 26 de junho de 1945, foi assinada, em São Francisco, a Carta das Nações Unidas, entrando em vigor em 24 de outubro daquele mesmo ano. A Carta foi elaborada pelos representantes de 50 países presentes à Conferência sobre Organização Internacional, sendo o tratado que estabeleceu, por meio dela, a organização internacional, conhecida pelo nome de Nações Unidas. A Carta da ONU é o documento mais importante da Organização, como registra seu art 103: "No caso de conflito entre as obrigações dos membros das Nações Unidas, em virtude da presente Carta e as obrigações resultantes de qualquer outro acordo internacional, prevalecerão as obrigações assumidas em virtude da presente Carta". (Compartilhe)


Apoiadores

Clique aqui para conhecer todos os Apoiadores de Migalhas


Sorteio

A obra "Regimes Especiais Tributários" (Quartier Latin - 354p.), de Pedro Guilherme Gonçalves De Souza, sócio do escritório SABZ Advogados, complementa o estudo da extrafiscalidade na doutrina do Direito Tributário brasileiro de modo criativo e bem escrito. O exemplar é presente do autor. (Clique aqui)

Lançamentos

Será lançado hoje o livro "Temas Específicos de Compliance", organizado pela advogada Fabiana Vidigal de Figueiredo. O evento será em SP, na Livraria da Vila, das 18h30 às 21h30. (Clique aqui)

No próximo dia 2, o advogado Rafael Fagundes, do escritório Nilo Batista e Advogados Associados, lança a obra "A Insignificância no Direito Penal Brasileiro". O evento será no RJ, na Livraria da Travessa, a partir das 17h. (Clique aqui)

Sócio da banca Almeida Guilherme Advogados Associados, Luiz Fernando do Vale de Almeida Guilherme fará o lançamento de sua tese de pós-doutorado pela Universidade de Salamanca, com o título "A Arbitragem na Bolsa de Valores de São Paulo e Madrid", e receberá para um coquetel na Universidade Portucalense, em Porto/Portugal, dia 9/7. (Clique aqui)

Migalhíssimas

Hoje, no escritório Machado Meyer Advogados, em SP, acontece um painel de discussão sobre as "Ações de Combate à Corrupção no Brasil e nos EUA - Investigações Transnacionais e Compliance em Tempos de Cooperação Internacional". Marcos Paulo Verissimo, da banca, será o moderador. Pierpaolo Bottini, sócio do escritório Bottini & Tamasauskas Advogados, está entre os palestrantes. (Clique aqui)

Fernando Santiago, especialista em proteção de dados pessoais e sócio fundador do escritório Chenut Oliveira Santiago Advogados, fala hoje no Sindusfarma, para associados da entidade, sobre os aspectos jurídicos e técnicos a serem enfrentados pelas empresas do segmento farmacêutico para se adequarem à lei geral de proteção de dados.

Logo após o almoço, a partir das 14h30, a advogada Adriana Filizzola D'Urso, do escritório D'Urso e Borges Advogados Associados, juntamente com renomadas colegas, irá participar de uma aula aberta da pós-graduação em "Direito das Mulheres", do Meu Curso, sobre o tema "Análise da Lei 13.718 - que criou o tipo penal de importunação sexual". Será possível acompanhar ao vivo, compartilhe.

Hoje, o Centro de Arbitragem e Mediação da Câmara de Comércio Brasil-Canadá promove café da manhã para receber a ganhadora da bolsa de estudos do "Programa de verão de especialização em arbitragem", da Washington College of Law (WCL). A sortuda foi a advogada Luiza Pedroso.

Sócio do escritório Dannemann Siemsen, Marcelo Mazzola participa, amanhã, de reunião-almoço promovida pelo Centro de Estudos das Sociedades de Advogados, em Aracaju. Marcelo Mazzola apresenta palestra sobre "Honorários de Sucumbência do CPC/15 e na Jurisprudência". Inscrições pelo telefone (79) 3214-0474.

Dia 4/7, o consultor e sócio-diretor do Grupo Inrise, Alexandre Motta, faz palestra em São José dos Campos/SP, às 19h, sobre "Marketing Jurídico - Como se posicionar para novos negócios". (Clique aqui)

Ontem, o sócio da banca Covac – Sociedade de Advogados, Daniel Cavalcante, apresentou palestra sobre compliance no terceiro setor em evento organizado pela APF - Associação Paulista de Fundações, em SP. (Clique aqui)

Dia 19/6, o presidente do Cremego - Conselho Regional de Medicina do Estado de Goiás, médico Leonardo Mariano Reis, proferiu palestra para membros do corpo jurídico da banca Jacó Coelho Advogados. (Compartilhe)

No início de junho aconteceu na FIEP, o evento "Negócios de impacto na prática: desafios e oportunidades". Ao final, houve o lançamento da "Comunidade B", no Paraná, com a presença da sócia do escritório Arns de Oliveira & Andreazza Advogados Associados, Fernanda Andreazza, que é membro ativo do movimento dentro da estrutura advogados B. "As empresas certificadas pelo sistema B demonstram que é possível unir o lucro à preservação do meio ambiente, remuneração justa de seus colaboradores e à solução de problemas sociais", falou Fernanda.

Gabriela Engler, sócia do escritório Portugal Ribeiro Advogados, aceitou convite para integrar a subsecretaria de Parcerias do Estado de SP, na condição de secretária executiva. A escolha pelo Programa de Parcerias paulista é consequência da sua sólida e reconhecida trajetória acadêmica e profissional, com diversas contribuições relevantes para a estruturação de projetos nos setores de infraestrutura, particularmente para o desenvolvimento das melhores práticas na estruturação, licitação e regulação de contratos de concessão e PPP. Gabriela se licenciará temporariamente das suas atividades no escritório.

O escritório Montaury Pimenta, Machado & Vieira de Mello Advogados é representado pelos sócios Joana Siqueira e Roberto Vieira de Mello na "38ª Conferência Anual da ECTA (Associação de Marcas da Comunidade Europeia)". O evento abordará questões relacionadas ao Direito da PI, entre eles: "Construindo evidências baseadas em divulgações na Internet" e "Novas ferramentas e estatísticas de TI". O evento, que tem início hoje, acontece até sábado, em Edimburgo/Escócia.

Mulher

Amanhã, às 8h30, em Brasília, acontece o "1º Simpósio Internacional - A Importância da Mulher na Construção de um Parlamento Democrático". Inscreva-se. (Clique aqui)

Legislação aduaneira

Intelecto Soluções Inteligentes está com inscrições abertas para o "Curso Intensivo Prático: Infrações à Legislação Aduaneira". Inscreva-se! (Clique aqui)

Direito de Família

O curso de especialização em "Direito de Família e Sucessões", da PUC-SP, propicia ao interessado aperfeiçoamento na área de Família e Sucessões, de forma a lhe proporcionar melhores condições de atuação profissional, seja na advocacia privada, no exercício da magistratura, no MP, nas carreiras ligadas às relações internacionais, na advocacia das organizações não governamentais, na docência, entre outras. (Clique aqui)

Excel para escritórios

No dia 10/7, das 10 às 11h30, a Radar – Gestão para Advogados realiza o curso online "Excel para Escritórios de Advocacia", criado para ensinar a ferramenta para profissionais da área jurídica que buscam aprender a utilizar planilhas de uma forma mais produtiva. Inscrições abertas. (Clique aqui)

Direito Societário

Estão abertas as inscrições para o curso de pós-graduação "LL.M. Direito Societário", oferecido pelo Insper, em SP. (Clique aqui)

Blindagem patrimonial

Sodepe Brasil promove o curso "Blindagem Patrimonial e o Planejamento Sucessório", dia 5/7, em SP. Participe e concorra a uma vaga-cortesia. (Clique aqui)

Viva

Sorteio de obra: A "Agenda do Concurseiro" (Saraiva Jur - 232p.), criada por Marcelo Hugo da Rocha e William Douglas, vai para Lorrane Cristina Machado, advogada em Patos de Minas/MG. (Clique aqui)

Sorteio: Heberth Vinicius Lisboa de Sousa é o ganhador da apostila virtual "Holding Familiar - A importância de conhecer suas vantagens". (Clique aqui)


Fomentadores

Clique aqui para conhecer todos os Fomentadores do Migalhas


Migalhas também é cultura!

Joaquim Manuel de Macedo | Padre Antônio Vieira | Luís Roberto Barroso | Joaquim Nabuco | Paulo Bomfim | Lima Barreto | Olavo Bilac | Bernardo Guimarães | Camilo Castelo Branco | Aluísio Azevedo | Bastos Tigre | Rui Barbosa | Machado de Assis | Euclides da Cunha | Eça de Queirós | José de Alencar

Clique aqui e acesse mais títulos


Mural Migalhas

Veja abaixo as cidades carentes de profissionais:

BA/Belo Campo
ES/Governador Lindenberg
GO/Alto Paraíso de Goiás
MG/Faria Lemos

Cadastre-se como um Correspondente Migalhas. (Clique aqui)


Migalhas Clipping

The New York Times - EUA
"Border Aid Bill Passed, As Democrats Deliver Check on Trump Policy"

The Washington Post - EUA
"$4.5 billion in aid sought to alleviate border conditions"

Le Monde - França
"Vagues de chaleur et pollution: l'état d'urgence"

Corriere Della Sera - Itália
"Liti e veti, governo bloccato"

Le Figaro - França
"Islamisme dans les services publics: le rapport choc"

Clarín - Argentina
"Avanza la investigación en EE.UU. de la red de lavado del secretario de Kirchner"

El País – Espanha
"Vox da por roto su pacto con el PP en los Ayuntamientos"

Público - Portugal
"Filhos de pais com mais estudos dominam os melhores cursos"

Die Welt - Alemanha
"Iran: Weißes Haus leidet an „geistiger Zurückgebliebenheit“"

The Guardian - Inglaterra
"Johnson: UK will leave EU in October ‘do or die’"

O Estado de S. Paulo - São Paulo
"STF mantém Lula preso e adia análise da suspeição de Moro"

Folha de S.Paulo - São Paulo
"STF mantém Lula preso e adia análise da suspeição de Moro"

O Globo - Rio de Janeiro
"Governo revoga decretos sobre posse de armas e edita novos"

Estado de Minas - Minas Gerais
"STF decide manter Lula na prisão"

Correio Braziliense - Brasília
"STF mantém Lula preso e adia a decisão sobre Moro"

Zero Hora - Porto Alegre
"STF mantém Lula preso e adia decisão sobre conduta de Moro"

O Povo - Ceará
"Justiça reduz alta na conta de água no Ceará"

Jornal do Commercio - Pernambuco
"2ª turma do STF mantém Lula preso"