Pedro Paulo Teixeira Manus, ministro aposentado do TST, faz uma avaliação da repercussão da reforma trabalhista. Em entrevista à TV Migalhas, Manus destacou que a lei 13.467/17 poderia ter sido mais eficiente. Confira: