tO livro "Da Arqueologia da Dúvida à Aurora da Verdade – Ensaios Convergentes" (101p.), de Jayme Vita Roso, reúne artigos escritos pelo autor e é ilustrado com fotos das obras do escultor Dan Fialdini.

"A gratidão que expresso, e marco, é arte de tornar o próprio passado fecundo pelo presente. Aplica-se-lhe o que o teólogo protestante Dietrich Banhoeffer, assassinado pelos nazistas no início de 1945, escreveu: 'Sem a gratidão, o meu passado se perde na escuridão, no enigma do nada'. Ela recupera o passado em função do presente, para que este nele seja vivido. Assim, os meus projetos materializados nos escritos divulgados e enfeixados aqui e nos livros anteriores, todos, no fundo, expressam minha sincera gratidão a esse homem de escol, o professor Carlos Alberto.

Também como nas obras já dadas ao público, porém, desta feita, esmerei-me ainda mais na apresentação, sintonizado com as obras (esculturas) de Dan Fialdini, nascido em Belo Horizonte e que, como tantos outros, buscou outras paragens para exibir seu inegável talento.

E, enfatizando, os textos, como os apresento, dão conta que procuro ser protagonista da minha própria existência, vivida plenamente. Intensamente.

Retrato, por fim, com afeto, que Jadir Barroso, em MercadoComum, Diretor de Redação, consegue retratar, com primor, os fatos desta época, contemporânea, superficial e arrogante da política pátria". Jayme Vita Roso

Sobre o autor:

Jayme Vita Roso é graduado em Direito pela USP, mestre em Bioética, Cidadania e Meio Ambiente pela UNISAL. Tenaz na institucionalização da auditoria jurídica, de sua criação. Em 2010 recebeu o título de "Professor Honorário" da Universidade Inca Garcilaso de La veja de Lima (Peru).

____________

Ganhadora:

Aline Denise Kalnin Israel de Freitas, de SC.